h1

Guardem suas moedas…

maio 14, 2008

Muito tem se falado atualmente sobre os eventos de 68. Mas hoje, 40 anos depois, o que de fato aconteceu? Todos discutem sobre as políticas opressoras dos governos e os levantes estudantis, sobre como parte da flexibilização dos sistemas políticos, sociais e culturais que vivemos hoje e os direitos das minorias resultaram desta oposição jovem simbolizada naquele ano. Mas contra o que de fato eles se ergueram e saíram as ruas?

Existe um sentimento essencial no íntimo de cada um, princípio oculto e gerador de toda reivindicação legítima pela liberdade.

Se hoje sentamos em nossas cadeiras no escritório ou em nossas salas de estar hipnotizados frente ao trabalho e entretenimento massificantes e brutalizadores, sem ao menos um mínimo de questionamento ou inquietação frente à realidade gritante é porque de alguma forma foram sufocadas aquelas legítimas aspirações.

Será que aquilo pelo qual eles saíram as ruas gritando foi conquistado? Não, somos nós que continuamos conquistados, amestrados e pasteurizados! Os mais negros pesadelos daqueles que marcharam nestas revoluções continuam se concretizando, e o pior, de forma mais brutal. O homem se tornou o subproduto de uma cultura de produtos, consumido por uma sociedade de consumo. Bobo da corte de um espetáculo vazio, sobrevivendo no tédio de uma vida sem significados onde os nossos sonhos nos são vendidos. E pagamos caro com o preço de nossas vidas.

Ninguém saiu às ruas por poder, mas por liberdade! Onde ela esta neste exato momento? Ah… todos devemos ser livres para realizar a vida! Mas há uma força que se oculta por traz das imagens que nos são impostas. Se não soubermos o que fazer, não saberemos sequer o que somos! Despertem…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: